Céu Nossa Senhora da Conceição, "Xamã Gideon dos Lakotas", Matéria no Jornal Vento Sul

Matéria no Jornal Vento Sul

jornal vento sulChá Daime – O vinho das almas

O Santo Daime foi criado em Rio Branco (AC), pelo seringueiro Raimundo Irineu Serra. A Ayahuasca, é feita com a união das plantas: do cipó mariri (Banisteriopsis caapi) que é o elemento masculino e das folhas da erva chacrona (Psycotria ridi,s.) que é o femini-no. A palavra Daime vem do verbo “dar” mais o pronome “me”, como um pedido: – “Dai-me força. dai-me luz” (Labete e Araújo, 2002). Os rituais na religião do Santo Daime são designados “trabalhos” que se aplicam sobre o corpo e o pensamento . O “trabalho espiritual” tem como suporte o corpo em sua totalidade, essas ações dizem respeito a atitudes corporais visando à adaptação da pessoa ao sistema. A palavra Ayahuasca é de origem indígena. Aya quer dizer “pessoa morta, alma espí-rito” e waska significa “corda, liana, cipó ou vinho”. Assim a tradução, para o português, seria algo como “corda dos mortos” ou “vinho dos mortos”. No Peru, encontrou-se o seguinte significado: “soga de los muertos”. O chá da Ayahuasca inicialmente restrito apenas aos povos indígenas, passou a ser incorporado pelas civilizações e vilarejos da Amazônia Ocidental, surgindo o vegetalismo (medicina popular de civilizações rurais do Peru e da Colômbia, que mantém elementos antigos sobre plantas, absorvidos das tribos indígenas e influências do esoterismo europeu dos colonizadores). O Instituto Xamânico Céu Nossa Senhora da Conceição instalado numa fazenda na cidade de Pariquera-açu é uma das Escolas Espirituais no Brasil que utilizam o Chá Ayhuasca e possui seu próprio cultivo e produção deste chá. Têm como idealizadores e fundadores o Xamã Gideon dos Lakotas (nome indígena de uma etnia Norte-Americana pseudônimo usado pelo Sr. Emiliano Dias Linhares, brasileiro, teólogo, terapeuta e escritor) e sua esposa Genecilda (já falecida), onde desenvolvem um ritual cuja base é Jesus Cristo, a prática se dá em meio à natureza, com alimentação especial, dinâmicas terapêuticas e audição de cancioneiro universal (músicas New Age e Religiosas: Xamanismo Norte-Americano, Hinduísmo, Catolicismo, Umbanda, Evangélica, Oração Kardecista e Hinário Próprio. A Revista Vento Sul entrevistou com exclusividade o Xamã Gideon dos Lakotas, que dentre vários assuntos abordados afirmou: “Lembro-me de algumas de minhas vidas anteriores e nesta fico feliz em poder ajudar a humanidade hoje a relembrarem quem são. É uma alegria ensinar os segredos das florestas, da metafísica e os prazeres simples da vida ao buscador espiritual, sem explorar comercialmente a ninguém. Desde criança já sabia que vim para dar inicio a uma obra espiritual aqui na terra, inclusive isto ficou registrado em urna redação que escrevi na escola aos 08 anos de idade.”

Vento Sul: O que é Xamanismo?

Gideon: Xamanismo não é igreja, não é religião, não é doutrina e não é seita. Xamanismo é a integração com todas as forças da natureza, é trabalhar com as verdades absolutas abandonando as verdades efêmeras, é você se tornar UM com o Universo, é a forma original do ser humano manter um intimo contato com a luz maior, com o seu eu interior. É expansão da consciência de tal modo que você atinge o autoconhecimento com rapidez se tornando senhor das situações que antes o fazia sofrer como vítima do destino. É atingir a consciência de que filho do DEUS PAI já nasce como deus filho, todas as virtudes já estão dentro de ti; latentes mas existentes sim, basta despertá-las. Todo homem já nasceu destinado à felicidade plena, a ser vitorioso em todas as situações, capaz de transpor qualquer obstáculo, superar qualquer situação, viver em saúde perfeita, conseguir tudo aquilo que almeja. Todo ser humano já nasceu destinado à iluminação. Mais cedo ou mais tarde cada um de nós vai olhar para trás e ver o quão grande é a jornada que já caminhou, e então relembrar de quem é ter a consciência de onde está e para onde vai depois daqui.

Vento Sul: A Ayahuasca foi liberada para o uso religioso pelo CONAD. Isso significa um avanço da ciência diante de um antigo preconceito?

Gideon: Sim. A ayahuasca age mais pela energia que possui do que pelas moléculas que lhe compõe, portanto o fato da ciência aceitá-la é um grande passo. Quero lembrar que até uma década atrás a mesma ciência não aceitava a homeopatia, mas que após diversos anos de constatações das curas homeopáticas, a ciência por fim admitiu sua autenticidade e a endoçou. Também foi assim com relação à ayahuasca. Infelizmente a sociedade e principalmente as igrejas que se dizem evangélicas e católicas, ainda possuem uma visão dogmática, antiquada e retrógrada com seus alicerces formados por opiniões pessoais e “achismo” ao invés de solificada nas constatações científicas. É uma necessidade e também o que vem acontecendo cada vez mais de forma acentuada a unificação da ciência com a espiritualidade, o que vem jogando no chão toda forma de dogma, tabu e fé cega.

Vento Sul: Visto que houve amplo estudo sobre a ayahuasca, até sua liberação citada anteriormente, explique se a mesma pode ser usada para outros fins além dos religiosos?

Gideon: A ayahuasca foi liberada pelo conselho de política antidrogas do Brasil – CONAD, somente para o uso religioso, onde a pessoa possa professar sua fé, conforme a nossa constituição. Segundo as resoluções, fica vetado terminantemente com ayahuasca à exploração comercial e o uso com drogas. Portanto usá-la para fins comerciais e com drogas como maconha, cocaína e outras, usá-la em “raves”, boates, baladas caracteriza-se crime. Infelizmente o uso da ayahuasca hoje vem sendo deturpado e criminoso, por grande parte das igrejas que se dizem daimistas ou ayahuasqueiras. Mas hoje, graças a DEUS, após 07 anos de intensa atividade e aproximadamente 09 palestras no senado federal que ministrei e em diversas outras, em universidades como a UNB e UNIEURO-DF, o quadro antigo começa a se deteriorar e uma nova visão sobre a ayahuasca começa a surgir.

Vento Sul: Muitos são os lugares que hoje fazem uso da ayahuasea. O que distingue um dos outros?jornal vento sul

Gideon: No Brasil há 03 linhas religiosas raízes: a união do vegetal (UDV) fundada pelo mestre Gabriel, o alto santo fundado pelo mestre Irineu, e a barquinha fundada pelo mestre Daniel de Matos. Todas as 03 são religiões, portanto possuem doutrinas próprias e diferenciadas. Após estas, vem às igrejas independentes e os centros xamânicos. Cada um tem sua forma própria de uso ritualístico. Contudo o CNSC propaga o Xamanismo, o bom caminho vermelho e não uma seita ou religião. Nos tornamos a maior entidade ayahuasqueira do Brasil em apenas 7 anos. Temos hoje aproximadamente 150 institutos irmãos espalhados pelos estados brasileiros. Por não cobrarmos mensalidades, não temos membros e sim irmãos participantes ativos e eventuais. Estipulamos que temos hoje aproximadamente 25 mil irmãos ativos e outros 40 mil eventuais. As linhas raízes citadas acima, hoje, inclusive a UDV (união do vegetal) possuem um número de membros pequeno se comparado a algumas entidades ayahuasqueiras recentes como por exemplo o CNSC. Escrevi o livro SANTO DAIME REVELADO, DROGAS, FRAUDES E MENTIRAS que explica detalhadamente toda a história do santo daime de seu início até a atualidade. Este livro se encontra disponível gratuitamente na intemet em nosso site www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br. Nosso site até a presente data 09 de Maio de 2.010 alcançou o número de mais de 2 milhões de visitações.

Vento Sul: Quais as curas que a ayahuasca pode promover?

Gideon: Daime, vegetal, vinhos das almas (ayahuasca) não cura ninguém. Simplesmente o que faz ayahuasca é com que a pessoa que a ingeriu, após uns 40 minutos aproximadamente permaneça com a pulsação cerebral entre 03 e 14 ciclos por segundo, ou seja, a pessoa se mantêm consciente entre o estado mental de alfa e teta Em resumo isto signi fica que ela entra em um estado profundo de meditação e desta forma advém os benefícios da consciência ampliada e por conseqüência muitas delas alcançam o conhecimento da causa que a levou e a mantinha viciada em drogas e outros vícios. Uma vez consciente da causa real do problema, fica fácil eliminá-lo. Aqui no Céu Nossa Senhora da Conceição em apenas 07 anos atingimos o número de diversos milhares de pessoas que saíram por completo da dependência química. E toda a despesa que estas pessoas tiveram conosco foi de 7 reais por seção. Nossa ayahuasca atingiu um grau tal de perfeição que bastam dois copinlhos de café (50 ml) para que uma pessoa tenha uma noite de ritual. 01h30min após, oferecemos um terceiro copinho 50 ml para os que desejarem, mas não é obrigatório e a maioria das pessoas recusa.

Vento Sul: A bebida fornece um estado que facilita a meditação e introspecção. Como isso ocorre?

Gideon: Há muitos caminhos que levam os homens a abertura de seus canais com DEUS. A meditação, a oração, a contemplação, o silencio e também o uso de plantas de poder como a ayahuasca. Nenhum dos outros caminhos é tão rápido e reto como o uso sério e honesto da ayahuasca, principalmente se for pelo xamanismo. Aqui, as pessoas comungam ayahuasca no início, mas rapidamente aprende a entrar no estado cerebral de teta por si mesmo e assim vai diminuindo a quantidade de ml de daime que ingere.

Vento Sul: Aqueles que quiserem se aprofundar sobre a vida dos precursores desta obra do Xamã Gideon dos Lakotas e a falecida madrinha Genecilda, o que devem fazer?

Gideon: Que entrem nos sites: www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br, www.daimesemdrogas.com.br OU www.projetolei.com, neste encontrarão os 05 projetos de lei de iniciativa pública que lancei para auxiliar em muito nossa nação, bem como disponibilizado gratuitamente um livro onde esclarece totalmente sobre a morte da única mulher que amei nesta vida e o trágico seguro de vida que fizemos.

“Feliz é o homem que vive por uma causa que vale a pena morrer por ela.”   Muito obrigado!

Entrevista cedida a Revista Vento Sul