Céu Nossa Senhora da Conceição, "Xamã Gideon dos Lakotas", Ferula galbaniflua

Ferula galbaniflua

Esta planta possui uma raiz grossa que demora muitos anos para se formar. Ela emite folhas finamente recortadas que saem das grandes bainhas dilatadas. No final do desenvolvimento do vegetal, uma rápida floração é anunciada por um caule de 2cm de diâmetro e 2m de altura que surge de maneira intensa e possuindo umbélulas amarelas carregadas de flores.

Nesta planta não é a raiz que possui a goma-resina, mas é o caule e a base das folhas que produzem uma goma-resina branca e fluída que escorre da planta. No ar essa goma-resina se coagula em grãos esverdeados. Esta planta é utilizada medicinalmente em uso interno como excitante, anti-catarral, anti-espasmódica e emenagoga. Em uso externo esta planta é utilizada como béquico e emoliente nos abcessos e nos casos de inflamações glandulares. Devido à sua ação anti-espasmódica no útero, essa substância era denominada “Resina das Mães”