Realidade Nova Era para: “Xamanismo, Ayahuasca e Plantas de Poder, Incorporações e Almas Penadas”

Uma analogia simples que expressa bem a situação do buscador espiritual de hoje:

Os buscadores vêm subindo uma colina faz algum tempo. Muitos destes desistiram no meio do caminho e retornaram para o vale no sopé da colina onde viviam anteriormente. Muitos outros continuaram a subir a colina com firmeza. Mas também houve muitos outros que, embora desejassem continuar, tremiam suas pernas por fraqueza, por cansaço, pelo desgaste sofrido ao longo da jornada desta subida. Para este, foram enviadas muletas, de forma a ajudar que subissem, já que isso desejavam. Então vieram as muletas espirituais, como ayahuasca e outras plantas de poder. Cuidamos que todos que desejassem tivessem acesso fácil às fortes muletas,  independente se iriam prosseguir até o fim ou se iriam desistir e retornar na metade do caminho. Tantos quanto clamaram, receberam de nós as melhores muletas. Com o auxílio destas muletas até os que tremiam as pernas, mas persistiram, conseguiram  chegar ao topo desta colina. Viram o que tinha para ser visto, desfrutaram com o que havia para ser desfrutado.

Mas esta jornada terminou ali, no topo desta colina, e fisicamente, racionalmente, chegaram lá, porque era uma jornada racional, tridimensional, uma jornada percorrida pela personalidade em si. A personalidade é limitada, muito limitada. Estende-se somente até onde o racional com sua parca percepção de tudo com três dimensões (comprimento, largura e altura/profundidade) pensa que entendeu. Contudo, há outra jornada para ser percorrida que segue para o alto e além desta colina, que segue para além da terceira dimensão… A quarta! Ficar andando no topo desta colina é ficar andando em círculo, pois tudo após este círculo é descida. Mesmo com muletas, tudo que o buscador ainda tridimensional pode fazer é ficar andando em círculo com sua muleta.  A nova jornada inicia já na quarta dimensão, é a jornada da mente intuitiva, é a jornada do espírito, nela a mente racional e o cérebro não contam, nela os limites da mente racional e cérebro te impedem de seguir adiante. Na nova jornada as coisas possuem um quarto elemento, e a personalidade, que é o ego, não consegue perceber este quarto elemento. Na quarta dimensão encontram-se a limitações das capacidades de percepção do cérebro e mente racional. Para continuar na nova jornada, precisa voar, a mente intuitiva voa, a mente intuitiva é ilimitada. Para continuar a jornada, a nova jornada, é necessário ficar somente na mente intuitiva, para isso é necessário neutralizar por completo toda forma de manifestação da mente racional e cérebro, que juntos formam o ego. Portanto, é necessário o “não pensamentos, o não emoções, o não sensações e o não movimentações”, porque toda forma de pensamento, emoção, sensação e movimentação são manifestações oriundas da mente racional e cérebro, o ego.  Na completa ausência das manifestações do pensamento, emoção, sensação e movimentação, o que permanece é VOCÊ, a Mente Intuitiva, a Essência… Somente a meditação permite que isso aconteça. Qualquer coisa que venha de fora para dentro são frutos tridimensionais, e não vão funcionar. Seja conhecimentos, técnicas gnósticas, muletas espirituais como ayahuasca e outras, nada disso vai funcionar, pois é de fora pra dentro. Agora tudo é interno, agora é única e exclusivamente o momento da meditação, não há qualquer outro caminho para esta nova jornada. Inclusive, não há mais  tempo para argumentação, para parlamentação. O tempo de um alegar e o outro contradizer, expirou, buscador. Somente meditando irá entender. Sem meditar ficará andando em círculo no topo desta colina e, talvez, até descer. Agora é o momento onde o tagarela não prossegue e fica para trás. Não vai adiantar agora ficar falando que medita mentindo para si mesmo, porque se não meditar, não vai prosseguir. Neste ponto em diante, querido, não tem mais o tal do “jeitinho” não, viu! Ou você Medita e prossegue por si mesmo, como o Ser Divino e Intuitivo que é, para a jornada do espírito, ou se manterá no cérebro e mente racional permanecendo no plano da ilusão andando em círculos, segurando muletas. Este é o momento de parar de falar de Deus para Viver Deus… E somente MEDITANDO conseguirá isso!

Infelizmente hoje, quase que completamente, os adeptos do xamanismo, valendo-se da busca pela Integração, ficaram presos e perdidos na drogadição, nos alucinógenos, nas sensações, nas movimentações, nos pensamentos, transformando seus rituais em eventos sociais ou até mesmo em raves. Esqueceram-se de que a Integração com o Todo só acontece pela quietude da mente, pelo encerramento dos pensamentos, pela interiorização. Lamentavelmente, e digo isso com tristeza, observo que o Xamanismo transformou-se em Showmanismo.

Compartilhar

Veja Também

INVESTIGAÇÃO DA REVISTA SUPER INTERESSANTE

Nunca tinha procurado saber fosse o que fosse sobre um dos espíritas mais falados de …