Lima

O sumo de lima é apropriado nos casos de hipercloridria, úlceras gástricas, acidez gástrica e afecções renais. Ajuda a combater o escorbuto, em virtude de seu elevado teor de vitamina C.

Chupar lima pela manhã é aconselhável no caso de dermatoses decorrentes das impurezas sanguíneas.

Segundo pesquisas do Dr. Teófilo Ochoa, “a lima é excelente contra as infecções, a neurite, o raquitismo, a pelagra.”

Em caso de flatulências, aconselha-se a casca da lima, em infusão, após as refeições. Para combater enxaqueca utilizar a folha da limeira, aplicando como cataplasma, junto às têmporas.

Nome científico: Citrus sp.

Composição química:

Hidratos de carbono, calorias, proteínas, sais.

Vitaminas:
B2, B5 e vitamina C.

Compartilhar

Veja Também

Flores – Belezas Naturais em Defesa da Vida

No rico universo das flores, muitas ultrapassam limites, distanciando-se da função de decorar ambientes ou …