Orionídeos – Chuva de Meteoros

Chuvas de meteoros são eventos aguardados o ano inteiro, já que algumas tem a periodicidade bem marcada. Esse é o caso dos Orionídeos, meteoros que entram na Terra pela constelação de Órion.

O famoso cometa Halley passa perto da Terra a cada 75 ou 76 anos. A última vez que passou pela vizinhança foi no ano de 1986, mas isso não significa que não deixe rastro até hoje. A cauda cometária do Halley é MUITO LONGA.

De acordo com Lepine, os traços visíveis no céu, que nada mais são do que os meteoros, “dão impressão que estão vindo da constelação de Órion, por isso o nome”. O Caçador, como também é conhecido o conjunto de estrelas, acaba servindo como uma porta de entrada dos meteoros por conta da posição da Terra no momento em que passa pelos detritos do Halley.

PROCURE AS TRÊS MARIAS

Órion é uma constelação avistável e bem conhecida no céu brasileiro. Provavelmente você já deve ter ouvido falar e até avistado as famosas “Três Marias”. Esse foi o apelido que demos ao que, na verdade, é o cinturão de Órion – três estrelas alinhadas uma ao lado da outra, que são vistas ao centro da constelação.

Compartilhar

Veja Também

Lua de Sangue

A Lua de Sangue ou Lua Vermelha, é conhecida por este nome devido a coloração …