Respostas de Inúmeras Pessoas – Questão 14

14 – Acredita na existência do certo e do errado? ( ) Sim ( ) Não – Por que desta sua resposta?

 

14 – M.N. – Não. Para que houvesse o certo e o errado, algo ou alguém teria que estabelecer ou julgar o que seria certo ou errado. E quem seria, algum homem ou Deus? Se Deus fizesse esse julgamento como ele poderia ser Absoluto? Acredito que existam escolhas que funcionam, que te conduzem para o Amor Incondicional, e as escolhas que não funcionam, aquelas que te levam no sentido contrário.

14 – M.R. – Não. Durante boa parte da minha vida fiquei perdida pensando sobre o que é certo e errado, não conseguia saber o que era certo ou errado, o que agradaria a Deus ou desagradaria a Ele. Então, muito cansada de viver com medo de desagradar a Deus, procurei me esforçar para tomar as decisões da minha vida sem pensar muito nisso, seguindo meu coração. Até que passei a compreender, praticando a meditação como aprendi no Centro Espírita Ascensionado Céu Nossa Senhora da Conceição, que só existem escolhas. Certo e errado é uma questão de ponto de vista. Porém, toda escolha que você faz, traz consigo uma consequência, é como plantar e, depois, colher.

14 – D.T.S – Não, não há tais coisas. São pontos de vista diferentes de um mesmo acontecimento.

14 – R. – Sim. Eu sei que é relativo e eu defino isso de acordo com minha mente, com os objetivos que eu tenho.

14 – T.G. – Não. Certo e errado são termos relativos. O que é certo para mim pode ser totalmente errado para outros… assim como o que é errado para mim pode ser plenamente certo e aceitável para outros, por isso NÃO é absoluto. Acredito que o Absoluto seja uno e indivisível!

14 – B.Z. – Não, porque o que existe são pontos de vista diferentes.

14 – M.N.N. – Não. Foi-nos concedido o livre arbítrio, escolhas e suas consequências… Certo e errado é só um ponto de vista.

14 – R.V. – Não, não tem isso de certo e errado. Certo e errado depende do lado da história que está.

14 – B.D. – Não. No absolutismo de Deus não existe certo ou errado, existem caminhos e escolhas, o homem com sua ignorância que fantasia tudo como certo ou errado.

14 – C.S.D. – Sim. Acredito sim, porem no plano relativo, o que e certo para mim pode não ser o certo para você, e vice-versa.

14 – M.M.O. – Não. O certo e errado é relativo, cada um “acha” certo ou errado uma coisa. Portanto apenas existe escolhas que funcionam e que não funcionam, segundo as experiências que cada um escolheu viver.

14 – C.A.G. – Sim e Não. Sim porque estamos no mundo relativo onde o certo e o errado faz parte do teatro das experiências.

Não no sentido que sendo o certo e o errado uma coisa criada por nós, humanidade, para jogarmos o jogo da vida aqui na terra eles não tem peso algum fora daqui, ou seja, só tem validade esses conceitos no mundo e em vida nele para melhor nos orientarmos no mundo, de nada vale fora dele.

14 – E.M. – Não. A vida que escolhemos viver é uma grande Ciência! Em estado individual somos os cientistas. Todo cientista precisa de um laboratório. O nossa mente conduz as experiências que desejamos vivenciar. Fazemos escolhas que podem nos levar a um resultado satisfatório ou não. Algumas vezes explodimos o laboratório com nossos excessos, mas um Cientista não desiste! Ele experimenta e experimenta até concluir sua pesquisa. Ele jamais erra. Ele só calcula e experimenta o resultado, tenta várias vezes até encontrar a Fórmula Exata! É incontestável que todo ser humano busca pela Felicidade. Com isso acaba por cometer atos individualistas que o afasta da felicidade. Por muito tempo nos condenamos pelos erros cometidos até compreendermos que o que fizemos foi tentar um novo caminho que nos levasse a felicidade. Cada vez que percebemos um equivoco compreendemos que a experiência não foi satisfatória. Tudo bem. Ao menos já sabemos o que não funciona. Percebendo isto, como crer na existência do certo e do errado? São somente escolhas…

14 – A.N. – Não, acredito na existência de escolhas. Certo e errado são termos do relativo (plano da ilusão, plano material). Acredito em escolhas conforme as experiências que escolhemos viver (escolhas que funcionam e escolhas que não funcionam).

14 – M.F.G. – Não. Por que certo e errado faz parte do relativo. O que é certo para um, pode ser errado para outro. Existem escolhas, e são elas que me dirão se estou de acordo com o objetivo que escolhi traçar. Acreditando nos conceitos de certo e errado, a pessoa entra no processo de julgamento que também é relativo, passando assim a não dar espaço para a compreensão.

14 – R.R. – Não. Dá forma que aprendi durante anos não acredito mais. Hoje, já concordo com a ideia daquilo que funciona e aquilo que não funciona. Tenho que dar os passos na direção do que quero atingir.

14 – V.L. – Sim. Procuro sempre entender e compreender a todos, a respeitar o próximo acima de tudo, Independente de estar errado ou certo.

14 – J.J. – Não. Sinto-me confuso nesse ponto, para o leão o bem é comer o cervo, para o cervo o bem é comer a grama e o leão é o mau, para o grama o leão é neutro e o cervo é o mau. Enfim, esses conceitos parecem variar de acordo com o ponto de vista, me pergunto como seria a partir de um olhar universal, talvez só haja bem e mal na realidade de cada consciência e de acordo com suas cores.

14 – I.T. – Não. Porque acredito no Absolutismo, e no que funciona e no que não funciona de acordo

com onde se quer chegar.

14 – J.A. – Não. A pessoa escolhe a experiência que viverá.

14 – F.G. – Não. Como respondi anteriormente, acredito em escolhas que funcionam ou não, de acordo com o nosso propósito.

14 – A.S. – Não. Ainda tenho questões internas que julgo estar certo e outras julgo estar errado. Mas compreendo que isso é relativo em cada fase de minha vida o conceito muda.

14 – M.A.T. – Não. Porque certo e errado são contrários à plenitude divina.

14 – M.C. – Não. Tudo é Absoluto!

14 – R.M. – Não. Acredito no caminho que nos leva ao despertar da sabedoria nos conduzindo ao absolutismo de nosso deus pai penso em sentimentos de paz e harmonia.

14 – F.L.B. – Não. Não acredito em certo e errado, apenas em escolhas, estas que podem ir de acordo com o caminho escolhido, a favor ou contra.

14 – B.C. – Não. O certo e errado é apenas um conceito estabelecido pela sociedade, pra Deus não existe certo ou errado existem escolhas.

14 – H.J. – Não. Contudo, não tempo uma concepção formada à respeito. Acredito que temos a escolha. Certo e errado se restringem ao mundo da manifestação.

14 – M.S. – Não. Errado o que será? Certo o que será?  Pra mim é relativo.

14 – P.E.D. – Não. São conceitos humanos, não espirituais.

14 – M.F. – Não. Certo e errado são relativos, ou seja; ilusão.

14 – S.G. – Sim. O certo e o errado passam pelo crivo de valor apenas de quem age, penso que ninguém pode apontar o dedo e julgar.

14 – I.P. – Não. Mas só entendi depois que comecei a frequentar o céu nossa senhora da conceição e ouvir suas palavras.

14 – C.C.A.A. – Sim, o certo é estar dentro das leis de Deus e errado é estar fora das leis.

14 – L.A.P. – Não. O que é certo ou errado depende do nível de consciência de cada um. Existe a lei, as escolhas e as consequências.

14 – M.C.Q. – Não. Este conceito, assim como o de bem e mal, é resultado das criações da mente racional do homem. Estes conceitos, junto com inúmeros outros, correspondem a base do entendimento humano do mundo. O fato é que se configuram como uma representação mental e abstrata da realidade.

14 – A.C.Z. – Não. Não existe o certo nem o errado, em minha opinião existe o caminho que trilho e a experiência que busco, o resto é a própria “experiência”.

14 – R.S.S.S. – Não. Pelo fato da lei da relatividade, e de que tudo é uma questão de escolhas.

Compartilhar

Veja Também

INVESTIGAÇÃO DA REVISTA SUPER INTERESSANTE

Nunca tinha procurado saber fosse o que fosse sobre um dos espíritas mais falados de …